Resumão final de semana #08


Os resumos abaixo são do último final de semana, dias 4 e 5 de julho. No final de cada resumo, você pode conferir a matéria completa do jornal clicando no link. 

Política 


Milton Ribeiro é nomeado como ministro da Educação 

O presidente Jair Bolsonaro nomeou o pastor Milton Ribeiro como novo ministro da educação. Ribeiro é pastor da Igreja Presbiteriana, vice-presidente do conselho deliberativo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, e vice-reitor da mesma. A nomeação foi anunciada em uma edição extra do Diário Oficial da União na última sexta-feira (10/07). Ribeiro será o quarto ministro do MEC no governo Bolsonaro. Leia mais no DW

Michelle Bolsonaro testa negativo para o novo coronavírus 

Michelle Bolsonaro, esposa do presidente Jair Bolsonaro, anunciou, no último sábado (11), o resultado negativo do seu teste para o novo coronavírus. O presidente fez exames na semana passada após sintomas iniciais da doença, nos quais testou positivo. A avó da primeira-dama está internada na UTI do Hospital Regional de Santa Maria com covid-19 em estado grave. Desde o anúncio, na terça-feira, Jair Bolsonaro e sua família estão em quarentena no Palácio da Alvorada tomando as decisões por videoconferência. Leia mais em Correio Braziliense

Secretarias de saúde informam que recebem kits incompletos para testes da Covid-19 

Quando foi decretado estado de calamidade no Brasil, o então secretário de vigilância sanitária do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, comunicou que seriam realizados 70.000 exames por dia no período mais crítico da doença, em junho, segundo ele. Mas, até o final de junho, 14.500 testes diários foram realizados. Segundo informações das secretarias de saúde, eles receberam menos testes do que o esperado e que os kits são incompletos. Entenda mais na reportagem do Poder 360

Economia 


Mais atingidos pelo fechamento de vagas formais são os que ganham de 1 a 2 salários mínimos 

Em 2020, até o mês de maio, os postos de trabalhos com faixas salariais de até dois salários mínimos foram os que sofreram maior fechamento de vagas formais. Este ano já acumula um total de 1,145 milhão de vagas fechadas, sendo mais da metade na faixa salarial de 1,01 a 1,5 salário mínimo. Em 2018 e 2019, essa faixa era a que liderava o saldo de vagas criadas. A única faixa salarial com saldo positivo de vagas neste ano foi a de até meio salário mínimo. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Veja mais no G1

A queda prevista pelo mercado financeiro é de 6,1% este ano no Brasil 

A previsão feita pelo mercado financeiro foi ajustada na última semana, de 6,5% para 6,1%, e a estimativa de recuo do Produto Interno Bruto (PIB) está no boletim divulgado pelo Banco Central (BC). Para o ano de 2021, as expectativas são de crescimento próximo de 3,5%. Em 2022 e 2023, o mercado financeiro continua a projetar o aumento do PIB na faixa de 2,5%. Leia mais em Agência Brasil

Plano Nacional de Mineração será lançado até início de agosto 

Segundo o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, o governo irá lançar o primeiro Plano Nacional de Mineração, com metas definidas, até 2023. O anúncio foi feito na sexta-feira durante uma live realizada pelo Banco Safra. O plano está previsto para ser lançado no início de agosto e irá abranger áreas da economia mineral, sustentabilidade, expansão em novas áreas e imagem da mineração junto à sociedade. Veja mais em Poder 360

Saúde 


Origem do novo coronavírus ainda é desconhecida 

A origem do Sars-CoV-2 ainda é um mistério para a ciência. Pesquisas recentes mostram que o vírus já circulava pelo esgoto de diferentes cidades antes do primeiro surto em Wuhan, na China, em dezembro do ano passado. Na última sexta-feira (10), dois pesquisadores, especialistas em saúde animal e epidemiologia da Organização Mundial da Saúde (OMS), viajaram para a China, a fim de tentar rastrear a origem do vírus. Os pesquisadores trabalharão com cientistas chineses locais. Confira mais no Nexo Jornal

Covid-19 atinge novo patamar e bate recorde diário de infectados no mundo 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), neste domingo (12) foi registrado um recorde global de casos de infecções pela covid-19. Em 24 horas, o número de infectados foi de 230.370. Os maiores números foram registrados nos Estados Unidos, Brasil, Índia e África do Sul. O recorde de notificações havia sido divulgado pela OMS, na sexta-feira (10), com mais 228 mil casos. O número total de infectados passam dos 12,5 milhões no mundo. De acordo com a Organização, o número de mortes continuam “estáveis” em cerca de 5 mil por dia. Leia mais no portal G1

Rússia finaliza parte dos testes clínicos necessários para a produção da vacina contra a Covid-19 e a previsão é que ela esteja pronta até agosto 

A Rússia anunciou hoje (13) que concluiu uma parte dos testes necessários para comprovar a eficácia de uma vacina contra a Covid-19 e espera que ela esteja pronta para distribuição até agosto. A vacina foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei. O diretor da instituição espera que ela esteja “entre circulação civil” entre 12 e 24 de agosto. O Ministério da Saúde fará testes bioquímicos da vacina mas espera concluir o processo até setembro, mês previsto para o início da produção em massa por laboratórios privados. Leia mais na matéria da UOL.

Até a próxima!
Equipe CN.

0 comentários